O Startup Macaé apresenta: LIGHT UP /GENIUS ACADEMY


Idealizada no início de 2019, a Light Up é uma startup de tecnologia com o intuito de implementar estações de tratamento de água, em locais onde não tem saneamento básico e acesso a água potável. O projeto foi selecionado para o Programa Startup Macaé, onde o idealizador e CEO, Matheus Dias, teve seu primeiro contato com o empreendedorismo e se encantou, como conta: “Graças ao Programa Startup Macaé, suas oficinas e cursos me impactaram de tal forma que me descobri empreendedor e não me vejo mais fora do ambiente do empreendedorismo”. Em paralelo, Matheus passou a ministrar de aulas de cultura maker e robótica para a educação infantil e teve suas primeiras percepções sobre a educação tecnológica. Os feedbacks extremamente positivos de pais, pedagogos e diretores sobre as aulas e o crescente aumento de interessados, o incentivaram e mostraram um novo setor para inovar, o de Edtech. Assim, em dezembro de 2019, surgiu a Genius Academy com o propósito de integrar ao ensino escolar formal as transformações tecnológicas, auxiliando às escolas parceiras no fomento da educação tecnológica e no estímulo constante da criatividade e pensamento lógico de seus alunos, oferecendo cursos de robótica e cultura maker. Através da tecnologia, robótica, programação, mão na massa e criatividade, a startup introduz na educação básica, o contato de seus alunos com impressoras 3d, microcontroladores e diversos conceitos da cultura maker. “Na Genius Academy, os seus alunos são protagonistas dos seus próprios projetos, colocando a mão na massa e pensando “fora da caixa”, afirma Matheus. No início de 2020, os dois projetos caminhavam muito bem. A Light Up havia fechado diversas parcerias com laboratórios e a Genius Academy estava atuando em três escolas. Com a chegada da pandemia no país, os laboratórios romperam suas parcerias ou foram direcionados exclusivamente para pesquisas relacionadas ao novo coronavírus. Já para a startup de edtech, a suspensão das atividades presenciais possibilitaram inovar no setor, criando o projeto “Em Casa Maker”. Mensalmente, os alunos recebem em suas casas, caixas contendo todos os materiais necessários para as atividades a serem desenvolvidas ao longo do mês e, semanalmente, é encaminhado para eles material on-line composto de vídeo e apostila para execução dos projetos. Além das escolas, a Genius Academy também firmou parceria com o Instituto Federal Fluminense, sendo a empresa responsável pelo laboratório Maker e desenvolvimento de projetos do laboratório da instituição. Foi realizada campanha para captação de novos clientes e lançamento do primeiro info produto intitulado “Criança Criativa”, com uma série de vídeos e apostilas para confecção de atividades, cujo retorno superou as expectativas com obtenção de 400 novos leads. Também foram selecionados para o Programa Startup Rio 2020 para ideação de um novo produto. Com um futuro promissor, a startup planeja continuar com seu produto on-line enquanto a pandemia perdurar, e ao retornarem as aulas presenciais, voltará atuando nas escolas parceiras e nas novas instituições de ensino. A expectativa da startup é atingir mais de 100 alunos até 2021 e inaugurar a sede da Genius Academy, no início de 2022, tornando o processo de expansão da marca e ampliação de cursos ofertados.

11 visualizações